sábado, 18 de fevereiro de 2012

A Cruz do Calvário e as Obras

Através do sofrimento de Cristo na cruz é oferecido salvação a todos os homens, pela fé, todo pecado do gênero humano caiu sobre Jesus Cristo, porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu Seu Filho Unigênito para todo aquele que nEle crer não pereça, mas tenha vida eterna (João 3.16).


Não há obra humana que possa salvar o homem, o ser humano é corrompido por natureza, portanto herdamos a vida eterna através da fé em Jesus Cristo.


E as obras?
As obras é uma consequência da salvação, uma pessoa que foi salva através da pregação do Evangelho ela nasceu de novo e agora ela reconciliou-se com Deus.
Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim. (João 14:6)


Além disso, o cristão deve fazer a vontade do Pai, como Jesus fez a vontade do Pai.
Não servindo à vista, como para agradar aos homens, mas como servos de Cristo, fazendo de coração a vontade de Deus; (Efésios 6:6)
E pela cruz reconciliar ambos com Deus em um corpo, matando com ela as inimizades. (Efésios 2:16).


Portanto não há mérito algum no homem, todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus.
Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus.
Não vem das obras, para que ninguém se glorie; (Efésios 2:8-9)


Ora, o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente. (1 Coríntios 2:14)


Só há um caminho para o céu, há milhares de caminhos para o inferno
Só existi dois tipos de pessoas no mundo, as mortas no pecado e as mortas para pecado.
Leonard Ravenhill


Entrai pela porta estreita; porque larga é a porta, e espaçoso o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela;
E porque estreita é a porta, e apertado o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem. 
(Mateus 7:13-14)



Jesus é o caminho!

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

Evangelho Light

A frase ao lado fala tudo, porém quero deixar uma pitada também, Leonard Ravenhill foi um grande pregador do Evangelho, mais um que não estava conformado com o estado atual da Igreja.


A Frase: "Se Jesus tivesse pregado a mesma mensagem que os ministros de hoje pregam, ele nunca teria sido crucificado", sai um  pouco forte, porém é realidade, mas não todas as igrejas e não são todos pregadores que massageiam o ego da igreja, ainda existe e sempre existiu Pregadores do Evangelho de Jesus Cristo, ainda há pregadores que o centro de sua mensagem é JESUS CRISTO, e isso é muito bom.


Eu pretendo ser um simples pregador do Evangelho de Jesus Cristo, tendo a Bíblia Sagrada como única regra de fé e infálivel, sendo Cristo o Centro da pregação.


P.S.: A pregação Cristocêntrica não chama nenhuma atenção das igrejas que se deixaram levar pelos ventos de doutrinas, porém o Cristo tem que ser pregado e glorificado!

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

Alegria em Jesus


"Se encontro em mim um desejo que nenhuma experiência deste mundo pode satisfazer, a explicação mais provável é a de que fui criado para um outro mundo." 


C.S Lewis






Porque não temos aqui cidade permanente, mas buscamos a futura. 
Hebreus 13:14


Mas a nossa cidade está nos céus, de onde também esperamos o Salvador, o Senhor Jesus Cristo, 
Filipenses 3:20





Somos forasteiros neste mundo